Ice tea de camarinhas com hortelã pimenta

As camarinhas são o fruto delicioso de um pequeno arbusto verde parecido com o alecrim.

Este fruto, de sabor bastante adocicado, é facilmente encontrado à venda nas praias da Vieira e da Nazaré.
Também conhecidas como pérolas ibéricas, as camarinhas podem ser consumidas frescas, em sobremesas, refrescos ou saladas ou ainda como compota ou geléia.
Experimente este refresco caseiro totalmente natural e original!

Ice tea de camarinhas

Ingredientes

 

propriedades-das-camarinhas

 

Ponha água ao lume juntamente com as folhas de hortelã. Deixe ferver durante 5 minutos.

A seguir retire as folhas de hortelã e guarde a água no frigorifico. Quando estiver fria coloque-a num liquidificador com as camarinhas. Desfaça as bagas por completo. Acrescente o açúcar e mexa bem.

Sirva bem fresco com pedras de gelo e algumas bagas a boiar.

Lenda das camarinhas

Dizem que Santa Isabel
Rainha de Portugal
Montando branco corcel
Percorria o seu pinhal!

-“Ai do meu Esposo! Dizei!
Dizei-me, robles reais!
Meu Dinis! Senhor meu Rei!
Em que braços suspirais?!…

Os robles silenciosos
Do vasto Pinhal do Rei
Responderam receosos
– não sei!…

E o pranto da Rainha
Nas suas faces rolava,
Regando a erva daninha
No pobre chão que pisava!

– “ ó meu Pinhal sonhador
Que o meu Rei semeou!
Dizei-me do meu Amor
E se por aqui passou…”

Os robles silenciosos
Do vasto Pinhal do Rei
Responderam receosos:
– Não sei !…

Mas cristalizou-se o pranto
Em muitas bagas branquinhas
E transformou-se num manto
De brilhantes camarinhas!…

Eis que repara a Rainha
Numa casa iluminada…
– “ Quem vela nesta casinha
Numa hora adiantada ?!…”

Os robles silenciosos
Tão tristes  que nem eu sei,
Responderam receosos:
– O Rei!…

Save

Escrito por A Senhora do Monte

Uma homenagem ao Portugal das tradições, dos saberes e dos sabores.

  • maria carmo

    adoro! obrigada

  • Alvaro

    E não se coam as sementes?

    • A Senhora do Monte

      Olá Alvaro. Não necessita coar as sementes. Obrigado por nos acompanhar 🙂

  • João do Ó Neves

    Muito bom. Parabéns!…