Plantas que germinam mais facilmente através de semente

Quais as vantagens de germinar as sementes ao invés de comprar mudas?

Aqui estão três razões óbvias:
1. as sementes são muito mais baratas;
2. as sementes oferecem mais variedade do que a pequena escolha de opções numa loja de plantas;
3. germinar plantas através das nossas sementes dá-nos a certeza que iremos ter plantas saudáveis e não plantas germinadas a partir de sementes transgénicas.

 

Rabanetes:

Os rabanetes são companheiros naturais  das cenouras.

Misture as sementes de rabanete com sementes de cenoura antes de aplicar no solo. Como os rabanetes crescem muito rápido, quando estes já estiverem prontos para serem colhidos, as cenouras irão ocupar o espaço onde os rabanetes se encontravam.

 

Cenouras:

 

Cenouras

 

Os mais inexperientes queixam-se, com frequência, que as suas cenouras são pequenas e deformadas. É importante semear as cenouras num solo bem drenado e macio. Experimente misturar um pouco de areia ao solo e retire todas as pedras grandes que lá encontrar.

 

Beterrabas:

As raízes de beterraba desenvolver-se-ão rapidamente e uniformemente em solos soltos. Prepare bem o solo removendo as pedras.

Misture sementes de beterraba vermelha, amarela e branca – assim produzirá uma variedade de sabores e cores no seu jardim/horta.

 

Feijões:

 

Feijões

 

As plantas de feijão gostam de solos quentes e húmidos.

À medida que os seus pés de feijão forem crescendo , não se esqueça que estes, irão precisar de estacas para se apoiarem.

 

Alfaces:

A alface gosta de crescer perto de rabanetes, beterrabas, morangos, pepinos, etc.

As alfaces devem ter um espaçamento de 25 centímetros, entre elas, para se desenvolverem bem.

 

Pepinos:

 

Pepinos

 

Se quiser semear pepinos deverá preparar o solo com antecedência – adicione um fertilizante natural rico em azoto e potássio.

Se possível plante os pepinos perto de uma cerca ou vedação para que estes se apoiem, à medida que vão crescendo.

 

Abóboras:

As abóboras são bastante fáceis de plantar. Estas gostam de solos quentes e ricos em composto.

Não se esqueça que as abóboras “bebem” bastante água.

 

Curgetes:

 

Curgetes

 

Tal como as abóboras, as curgetes são vegetais fáceis de manter, gostam de terra compostada, muito sol e água.

Como as plantas das curgetes e das abóboras crescem muito, não devem ser plantadas perto de zonas de passagem.

 

Ervilhas:

As ervilhas são companheiras dos rabanetes, dos feijões, das abóboras, etc.

Deve ter em atenção que as temperaturas demasiado elevadas (acima dos 27º C) impedem o crescimento das vagens e o respetivo florescimento das ervilhas prejudicando gravemente a sua produção.

Plante as ervilhas no início da Primavera, logo após o final das geadas de Inverno.

 

Couves:

 

couves

 

As couves gostam de estar acompanhadas por batatas, beterrabas e certas aromáticas (alecrim, sálvia, tomilho, etc). As aromáticas protegem as couves dos ataques dos caracóis.

As couves crescem melhor em climas amenos ou frios. Algumas couves toleram altas temperaturas, mas normalmente são cultivadas durante o outono e o inverno (em regiões de clima mais quente). Durante períodos de calor a couve reduz o seu crescimento e a qualidade das folhas produzidas é pior, tanto em tamanho e aparência, quanto em sabor.

Em regiões de clima ameno a couve pode ser cultivada durante todo o ano, embora não sejam semeadas no inverno em locais em que este é rigoroso.

Escrito por A Senhora do Monte

Uma homenagem ao Portugal das tradições, dos saberes e dos sabores.