Tupinambo - um tubérculo pouco conhecido

O tupinambo também conhecido popularmente como girassol batateiroalcachofra-girassol, pertence à espécie Helianthus tuberosus – família Asteraceae.

É uma planta nativa da América do Norte, mas o seu nome tupinambo provém dos Tupinambás – povos indígenas que viviam no Brasil.

Esta planta vivaz pode atingir os três metros de altura. As suas folhas são ásperas ao tacto, assim como o seu caule.

As flores são amarelas e as suas pétalas comestíveis. Estas são muito atractivas para as borboletas e as suas sementes – muito parecidas com as dos girassóis (Helianthus annuus) – são comidas por aves.

 

Tupinambo - um tubérculo pouco conhecido

 

Já as suas raízes (tubérculos) são comestíveis e eram muito usados na alimentação em várias partes do mundo, mas acabaram por cair no esquecimento perante a popularidade da batata.

Existem variedades com tubérculos brancos, vermelhos ou violetas.

Muitas vezes é usado em jardins de forma ornamental – a maioria das pessoas desconhecem que as suas raízes são comestíveis.

Os tupinambos são úteis como sebes naturais ou corta-vento, pois apresentam poucas exigências. Alguns estudos apontam para a sua utilização depois de desbravar silvas, já que plantá-los no seu lugar parece ser uma prática com bons resultados.

 

Tupinambo - um tubérculo pouco conhecido

 

Usos e propriedades do tupinambo

O tupinambo é extremamente rico em vitaminas A, B3, C, ferro, cobre, fósforo, magnésio, zinco e potássio (podemos substituir as bananas pelo tupinambo).

Este alimento energético deve ser consumido por diabéticos, pois a sua substância de reserva é a insulina que se encontra próximo da frutose e não influencia os valores de glicemia no sangue.

 

Tupinambo - um tubérculo pouco conhecido

 

O consumo de tupinambo é recomendado em casos de reumatismo, gota, insuficiência pancreática e obstipação. A sua ingestão no período pós-parto estimula a produção de leite materno.

 

Culinária

Os tupinambos devem só ser consumidos quando chegam à maturidade, isto é, apenas quando a parte aérea da planta estiver seca.

O tupinambo pode ser comido cru ou ralado em saladas.

Pode ser cozinhado como a batata, podendo ser frito, cozido, assado, purés, etc.

 

Tupinambo - um tubérculo pouco conhecido

 

A cozedura dos tupinambos na água pode causar flatulência, por isso junte algumas sementes de funcho para minimizar esse efeito.

Cultivo

É uma planta de fácil cultivo, mesmo em solos pouco férteis.

Devem ser plantados num local bastante ensolarado e adaptam-se a todos os tipos de solo. Apreciam regas regulares e são resistente a doenças e predadores.

 

 

Tupinambo - um tubérculo pouco conhecido

 

A sua multiplicação é feita através da plantação dos tubérculos a partir do mês de fevereiro.

Se esta planta encontrar as condições ideais para o seu crescimento pode tornar-se invasiva – controlar a sua proliferação plantando os tupinambos em canteiros.

A melhor maneira de conservar os tupinambos é retirá-los do solo à medida que necessitamos ( a partir de outubro até ao início da primavera).

Save

Escrito por A Senhora do Monte

Uma homenagem ao Portugal das tradições, dos saberes e dos sabores.