template-SDM -grande

Os ácaros e os pulgões são um pesadelo para o hortelão: aparecem, instalam-se e rapidamente tomam conta das nossas plantas.

Existem felizmente diversas soluções orgânicas, consideradas biológicas e que podem poupar alguns euros nos gastos do jardim.

Uma horta bem desenhada deve ter uma cintura exterior ou bordadura de plantas aromáticas, flores companheiras e plantas para as mais diversas funções – com o objectivo de criar uma zona de biodiversidade que impeça o estabelecimento de uma praga. Neste aspecto, é a monocultura quem mais potencia o surgimento de pragas, pelo que aliado a uma bordadura ou sebe natural deve também aplicar as técnicas de consociação entre espécies como forma de prevenção, e trabalhar para atrair animais benéficos para o seu jardim comestível e encontrar um equilíbrio entre as diversas espécies de insectos! Desta forma terá ainda menos trabalho.

No entanto, para situações em que determinado insecto começa a dominar e criar problemas nas suas plantas, tem aqui 7 receitas de pesticidas que consegue fazer em casa e obter bons resultados.

 

1. Pesticida de Legumes

Combine meia chávena de pimenta caiena fresca com meia chávena de dentes de alho ou cebola em rodelas. Pode usar todos, ou apenas um destes ingredientes.  Picar tudo muito bem numa trituradora até obter uma pasta. Adicione 500ml de água quente durante o processo e misture tudo muito bem. Coloque a solução num recipiente de vidro ou plástico e deixe num local quente e exposto ao sol durante 24 horas. Deixe arrefecer, coe, e coloque num borrifador.

red chilli peppers isolated on white background

Aplique sobre as plantas infectadas a cada quatro dias. Depois de três ou quatro aplicações, as pestes deverão dispersar. Se a área estiver completamente coberta, esse pesticida deverá manter as pragas distantes durante a época.

 

2. Pesticida de Óleo Vegetal

Coloque uma colher de sopa de detergente de lavar loiça (15ml) numa chávena (250ml) de óleo vegetal. Desta solução tira 2 colheres e meia de chá (12ml) para 250ml de água. Agite bem e coloque num borrifador.

Recomendamos um detergente de lavar loiça neutro: Evite antibacterianos, perfumados, e outros detergentes especializados, uma vez que estes podem danificar as plantas.

Faça um teste e borrife algumas folhas das suas plantas antes para garantir que escolheu um detergente indicado – deixe passar um dia ou dois para confirmar.

oleo_vegetal_1__2013-04-15152904

Pulverize a mistura em qualquer lugar onde há problemas. Borrife em torno de toda a planta, incluindo a parte inferior das folhas. Concentre-se nas áreas onde pragas colocam seus ovos, já que o spray de óleo é feito para atacar os ovos e insetos imaturos.

 

3. Pesticida de Detergente

Seguindo a mesma lógica do artigo anterior, seleccione um detergente de loiça biológico e misture 15ml (4 ou 5 colheres de chá) em 4 litros de água. Coloque num borrifador, faça um teste e aplique toda a planta. Cubra o topo e a as partes inferiores das folhas, com foco nas áreas que parecem mais prejudicadas. Esse spray serve para paralisar os insetos, tornando-os incapazes de comer. Continue a pulverizar as plantas a cada três dias durante as duas semanas seguintes. Se o pesticida estiver bastante diluído, a aplicação contínua é a única maneira de garantir o fim da infestação.

pesticida-detergente

 

4. Pesticida de Tabaco

Misture 1 chávena (250 ml) de tabaco com 4 litros de água. Deixe num recipiente de vidro ou plástico, num local quente exposto ao sol durante 24 horas.

Verifique: O ideal é que o pesticida fique semelhante à tonalidade de um chá ralo. Se estiver muito escuro, dilua-o com água. Se ele for muito claro para ver, deixe-o descansar mais algumas horas. Misture  3 colheres de sopa (45 ml) de detergente líquido neutro à solução.

Coloque num borrifador e pulverize as plantas infestadas. Concentre-se nas áreas que estão mais danificadas, mas também passe nos pontos que ainda pareçam estar em bom estado.

homemade-pesticide-insecticide-tobacco-spray

O tabaco é útil contra as espécies de lagartas, pulgões e vermes, mas não é apropriado para uso em pimentas, tomates, berinjelas ou qualquer tipo de planta da família da solanaceae.

 

5. Pesticida de Laranja

Descasque uma laranja (média). Caso não tenha uma laranja fresca à mão, use 5 colheres de chá (7,4 ml) de cascas de frutas cítricas secas ou 15 ml de óleo de laranja. Despeje duas chávenas (500ml) de água a ferver sobre as cascas, num recipiente de vidro. Deixe repousar durante 24 horas num local quente e seco. Adicione algumas gotas de sabão de azeite (preferencialmente com aroma a hortelã-pimenta para reforçar o efeito)

shutterstock_155246348

As frutas cítricas são úteis especificamente contra as famílias dos insetos de corpo mole, incluindo lesmas, pulgões, mosquitos do fungo e cochonilhas. Quando pulverizado diretamente sobre as pragas, esse pesticida também atua contra formigas e baratas.

 

6. Pesticida de Crisântemo

Além de uma flor bonita, os crisântemos contêm um componente químico chamado pretor – capaz de paralisar muitos insetos. Combine meia chávena (113 g) de crisântemos secos com 4 chávenas(1 litro) de água, e ferva durante 20 minutos. Coe, coloque num borrifador e trate plantas.

il-crisantemo_NG5

Concentre-se nas áreas mais danificadas antes de passar para áreas menos danificadas. Cubra a planta inteira, incluindo as partes inferiores das folhas. A solução tem uma validade de 2 meses, note.

 

7. Pesticida de Óleo de Neem

Misture 15 ml de óleo de neem com meia colher de chá (2,5 ml) de detergente biológico neutro. Misture o neem e o detergente em 2 litros de água morna. Mexa lentamente, até ficar homogéneo. Coloque o pesticida num borrifador. Use-o de imediato, aplicando em toda a planta e com foco em pontos onde você pode ver claramente as pragas ou sinais de ataque.

oleo-de-neem-para-pulgas-e-carrapatos

Muitos acreditam que o óleo de neem, originário de uma folha de árvore amarga, é um dos pesticidas mais eficazes naturais existentes.

Leia também: Adubos e pesticidas orgânicos

 

Algumas notas:

  • Identifique com rigor as pragas que estão a causar danos às suas plantas. Muitos insectos podem ser realmente úteis para o jardim, e os pesticidas irão matá-los juntamente com as pragas nocivas. Quanto melhor a identificação melhor será a escolha do produto certo – o que evita grandes impactos no equilíbrio do seu jardim.
  • Crie um pesticida mais potente através da combinação de diferentes soluções de pesticidas orgânicos. Por exemplo, o óleo de neem pode ser adicionado a uma solução de crisântemo.

 

Aprenda também a rotação de culturas, e a sua importância!

Save

Save

Escrito por A Senhora do Monte

Uma homenagem ao Portugal das tradições, dos saberes e dos sabores.

  • ana

    Foi útil para planta com pulgões. Obrigada

    • Benjamim R.Pereira

      Estou numa fase de aprendizagem e esta informação é muito útil para mim. Obrigado