Blog

Lewisia – Aprenda a cuidar desta suculenta de flores maravilhosas

em Jardim/Horta
Lewisia - Aprenda a cuidar desta suculenta de flores maravilhosas

Esta é sem dúvida uma das mais bonitas suculentas ornamentais – reparem nas flores!

A lewisia é uma das poucas suculentas perenes e resistentes que floresce de uma forma espetacular e duradoura!

Esta planta pertence à família das Portulacas tal como as beldroegas e a beladona. É muito fácil de cultivar sendo perfeita para iniciantes.

É considerada uma planta alpina (nativa da América do Norte), pode ser encontrada em rochas, paredes e muros. Cresce em altitudes de 1500-2300 metros acima do nível do mar. Prefere florestas de pinheiros, encostas abertas, desertos, etc.

Lewisia - Aprenda a cuidar desta suculenta de flores maravilhosas

A sua folhagem é disposta em rosetas, carnuda, persistente não excedendo os 10 a 15cm de altura ( e os 20 a 30 cm com a flor). Entre o final da Primavera e o meio do Verão nascem finos caules com flores na ponta. As flores são bastante coloridas variando entre o rosa, salmão, vermelho, laranja, amarelo, branco, etc.

Lewisia - Aprenda a cuidar desta suculenta de flores maravilhosas

Lewisia

Existem diversas variedades sendo a mais comum Lewisia cotyledon. Outras que também se podem encontrar à venda são:

  • L. rediviva
  • L. longipetala
  • L. columbiana

Lewisia - Aprenda a cuidar desta suculenta de flores maravilhosas

Cultivo

Se utilizar vasos é necessário transplantar as plantas na primavera e no outono.

No verão é aconselhável levar os vasos de flores para o ar fresco e no inverno mantê-los num local protegido da chuva.

Tipo de solo

Esta planta gosta de solos ácidos ou levemente ácidos. Necessita de um solo drenado e solto com mistura de turfa, areia e calcário. Não suporta solos demasiado encharcados, especialmente no inverno.

Ofereça-lhe um solo fértil apesar dela sobreviver em solos pobres pois na Natureza o seu habitat é o cascalho.

Lewisia - Aprenda a cuidar desta suculenta de flores maravilhosas

Luz e temperatura

É uma planta que gosta de sol mas não em excesso. Sombra parcial é o ideal.

É bastante resistente à geada e tolera mais facilemnte o frio do que o calor.

Em meses especialmente quentes pode parar de crescer e até começar a murchar para entrar num período de descanso. Mas quando as condições de temperatura se tornarem novamente adequadas a lewisa retomará a sua floração.

Regas

A lewisia tolera ausências prolongadas de regas, especialmente durante as férias de verão.

Quando plantada em solo aberto não precisa praticamente de rega a não ser nos meses mais secos.

A rega deve ser feita com bastante cuidado não permitindo que haja humidade entre as folhas e as flores. Certifique-se de que as folhas inferiores não entram em contacto com o solo molhado pois pode estragar a aparência da planta.

Lewisia - Aprenda a cuidar desta suculenta de flores maravilhosas

Floração

A floração normalmente dá-se entre Abril e Agosto, consoante a variedade e o cima onde se encontra.

Lewisia - Aprenda a cuidar desta suculenta de flores maravilhosas

Propagação

Pode ser feita através de sementes ou por divisão da planta.

Separe os rebentos laterais no início do verão e plante-os imediatamente no solo. Não há necessidade de regar. As estacas irão criar raíz no inverno e na primavera podem ser transplantadas para um local permanente.

Lewisia - Aprenda a cuidar desta suculenta de flores maravilhosas

Poda

Não é necessário fazer qualquer poda. Quando as flores murcham estas esperam até que o pedúnculo esteja completamente seco e acabam por soltá-lo.

Pragas

Esta planta raramente adoece. Mas quando acontece normalmente deve-se à podridão cinzenta. Para combater este fungo é necessário remover todas as partes da plantas danificadas, reduzir a rega e a adubação,e aplicar um fungicida natural:

As lesmas por vezes gostam de se alimentar das suas folhas. Também podem ser atacadas pela mosca-da-cebola e por pulgões.

Lewisia - Aprenda a cuidar desta suculenta de flores maravilhosas

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *