Blog

Rezas populares – Aprenda a curar o cobrão!

em Medicina Natural, Saberes 13 Fevereiro, 2016

Rezas populares - Aprenda a curar o cobrão!

O cobrão ou cobreiro é uma das doenças de pele mais dolorosas.

Hoje sabe-se que o cobrão é originado pelo vírus Zoster (herpes) que provoca uma erupção cutânea – formam-se bolhas numa zona do corpo que começam a alastrar. Estas erupções podem aparecer nos braços, na barriga, pescoço, costas, etc.

 

Cobrão

 

O Zóster é uma variante do vírus que também provoca a varicela (ou catapora).

Este vírus, normalmente, permanece no nosso organismo em estado de “dormência” pois o nosso sistema imunológico consegue controlá-lo. Mas assim que este se encontra debilitado o vírus pode despoletar.

Este vírus, ao contrário da varicela, caracteriza-se pelo aparecimento de vesículas. Esta lesão aparece, em geral, no segmento da pele inervado  pelo ramo nervoso acometido pelo vírus e apenas num dos lados do corpo. À medida que vai alastrando, o seu formato em zigue-zague, faz lembrar uma cobra – daí o nome popular cobrão ou cobreiro.

 

Os antigos diziam que se essas bolhas dessem a volta ao membro afectado que a pessoa poderia morrer.

Os sintomas começam por uma pequena dor no local do aparecimento das vesículas. Depois da eclosão destas a pele fica toda avermelhada. Os sintomas posteriores são variados e vão desde a indisposição geral, comichão, pontadas de dores fortes, sensação de picadas, etc.

Herpes Zóster

Mesmo depois de tratado as dores podem durar meses ou mesmo anos – podendo o vírus voltar a despontar novamente.

Através da sabedoria popular certas rezas / orações, foram criadas, para acabar com este “male”. As rezas variam consoante a zona do país, mas pelo que o “povo” diz – todas elas resultam – existem variados relatos de pessoas que o experimentaram e afirmam a pés juntos que resulta!

 

Reza para curar o cobrão

A Senhora do Monte conseguiu reunir 3 variantes da reza para acabar com o cobrão:

 

Reza para curar o corão (I)

“Bicho bichão, Aranha aranhão.

Te corte e talho.

Mil cabeças o rabo te talho.

Os olhos, a boca e o coração.”

Diz-se nove vezes esta reza, durante três dias, com uma faca a fazer o sinal da cruz na zona afectada.

 

Reza para curar o cobrão (II)

Fazem-se três montes de carvão com nove pedaços de carvão em cada monte.

Em seguida faça o sinal da cruz no primeiro monte, peque neste com as duas mãos e comece a seguinte reza:

“Cobra, cobrão

Sapo, sapão

Todo o bicho da nação

Que anda de rasto pelo chão,

Para que não cresças

E nem avessas,

Mas antes obedeças

Que venhas a bom humor

Eu te corto, corvo,

Cabeça e rabo

E corpo todo!

Quando S. Bento era estudante, Nenhum bicho ia para diante,

Na mesma escola andava S. Braz, aqui te seques, aqui te mirrarás.”

Deverá ir passando o monte de carvão por cima da zona afectada fazendo sempre o sinal da cruz.

Repita o procedimento com os restantes montes de carvão.

 

Reza para curar o cobrão (III)

À medida que vá dizendo a reza deverá ir fazendo cruzes, com uma faca, em cima da zona afectada.

“Faca que cortas o pão
Corta este Tubarão
Corto-te a cabeça
Corto-te o rabo
Com este navalhão
Sapo, sapão
Cobra, cobrão
Aranha, ranhão
Corto-te a cabeça
Corto-te o rabo
Com este navalhão
Com o poder de Deus
E da Virgem Maria
Um Pai Nosso e uma Ave-Maria”
À medida que se rezava iam-se fazendo cruzes em cima das borbulhas com uma faca.

Repita o procedimento 9 vezes.

Save

Sobre A Senhora do Monte
Uma homenagem ao Portugal das tradições, dos saberes e dos sabores.
7 Comments
  1. gosto das orac

  2. Muito bom esse site.gostei das dicas Muito obrigado pelas dicas.

  3. Obrigada pela partilha

  4. Agradeço. Pois não sou eu quem irá curar, mas peço a deus que eu seja instrumento dele. Porque somente as mãos de nosso Deus. Deus os abençoem e obrigada.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *