Fábrica de chá Gorreana

A Fábrica de Chá Gorreana localiza-se na ilha de São Miguel, no arquipélago dos Açores.

A Gorreana é a mais antiga ,e actualmente única, plantação de chá da Europa.

 

História do chá

Em 1872, a produção de laranjas nos Açores parou abruptamente, em consequência da “doença dos laranjais” e do envelhecimento das plantações que, em apenas dois anos, destruiu todos os laranjais em S. Miguel. Consequentemente, depois de 75 anos de um negócio lucrativo, a economia açoreana entrou em depressão.
Devido a este facto, os principais produtores da ilha tiveram que encontrar outros tipos de cultura. Foi a partir daí que apareceram as culturas de chá, tabaco, batata doce e ananás.

 

História do chá - Açores

 

Para cultivar a planta do chá e transformá-lo em chá, foram contratados dois mestres chineses, que vieram aos Açores com o intuito de ensinar a cultura do chá a todos os interessados.

Fábrica Gorreana

A indústria do chá depressa obteve uma importância social e comercial nos Açores.

No entanto, durante a 1 Guerra Mundial, a maioria das fábricas “fechou” e apartir daí restaram apenas oito fábricas.

Mais tarde, com o crescimento da concorrência e com o apoio governamental dos chás africanos, todas as fábricas fecharam, excepto a fábrica de Chá Gorreana.

Esta fábrica permanece “aberta” devido ao facto de, desde 1926, produzir a sua própria electricidade tirando partido de uma ribeira que se situa na propriedade.

A fábrica de Chá Gorreana obteve as primeiras sementes em Setembro de 1874 e em 1883 produziu o seu primeiro chá.

 

Gorreana - plantação de chá

 

Fábrica de Chá Gorreana

Reconhecida internacionalmente como produtora de chá de primeira classe, a Gorreana é, desde 1883, um negócio de família que começou quando Ermelinda Gago da Câmara e o seu filho José Honorato abriram a fábrica e venderam a primeira produção de chá sob a chancela Gorreana.

Plantações de chá Gorreana - Açores

Plantado a centenas de kilometros afastado da poluição industrial nas vastas montanhas da luxuriante propriedade Gorreana sem o uso de quaisquer herbicidas, pesticidas, fungicidas, corantes ou conservantes e colhido entre Abril e Setembro, o chá (preto e verde) da Gorreana é , efectivamente, um produto 100% orgânico uma vez que devido ao facto das pragas normais da planta do chá (camélia sinensis) não sobreviverem no clima da ilha, a Gorreana não sente necessidade de utilizar quaisquer químicos nas suas plantações.

O resultado é todo um legado de 130 anos de cultivo e comercialização de chás de primeira qualidade, escolhidos à mão e isentos de quimicos que merecem o reconhecimento internacional que os chás Gorreana têm, sendo os mais apreciados na Europa desde a altura em que a arte de cultivar chá foi introduzida nos Açores por dois especialistas chineses em Setembro de 1874.

Chá Gorreana

Em 2012, Bertha Meireles-Hintze, a matriarca da família, foi galardoada em São Miguel com a Medalha de Mérito pelo seu empenho em manter a Gorreana enquanto empresa familiar desde o início da sua atividade no século XVIII.

Visitada anualmente por milhares de pessoas, a Gorreana enquanto plantação, fábrica e museu, é o local idílico para degustar uma chávena de chá ao mesmo tempo que se pode apreciar as máquinas Marshall originais datadas de 1840 ainda em funcionamento na fábrica.

Plantação de chá Açores

O cheiro do chá fresco e das flores que circundam a propriedade associados à vista deslumbrante sobre o mar azul e o verde inebriante das montanhas constitui um autêntico paraíso tão peculiar como o chá das nossas plantações que deve as suas características únicas ao nosso clima, ao pH do solo argiloso, ácido e rico em minerais e, claro, à briza marítima que cai sobre as plantações e aos métodos de cultivo artesanais. São essencialmente estas as razões pelas quais o único local onde se produz chá na Europa há mais de um século é aqui nas plantações Gorreana na inebriante ilha de São Miguel.

Fábrica de chá Gorreana - Açores

Actualmente as plantações da Gorreana cobrem uma área de 32 hectares de onde se produzem cerca de 33 toneladas de chá por ano nas variedades de preto e verde. Uma pequena parte da produção é destinada ao mercado açoreano sendo que a restante é exportada para muitos países como Portugal Continental, Alemanha, EUA, Canadá, Áustria, França, Itália, Brasil, Angola, Japão, entre muitos outros países que valorizam acima de tudo a qualidade e singularidade dos chás Gorreana.

Plantação de chá Gorreana

Benefícios do chá:

O chá contém antioxidantes que evitam a degeneração das células responsáveis por mais de 50 doenças.

Estudos comprovam que o consumo regular de chá inibe a aglomeração de plaquetas no sangue evitando assim os perigosos coágulos causadores da maioria dos ataques cardíacos e acidentes vasculares cerebrais. Outros estudos apontam igualmente para o facto de o chá ser inibidor de alguns tipos de cancro nomeadamente os do aparelho respiratório, digestivo bem como os da pele.

  • É um excelente diurético e por tal ajuda a perder peso de forma saudável
  • Combate o envelhecimento precoce
  • Auxilia na regeneração da pele
  • Promove a longevidade saudável
  • Reduz o colesterol total e níveis de LDL (mau colesterol)
  • Aumenta os níveis do HDL (bom colesterol)
  • Reduz a pressão arterial
  • Reforça os vasos sanguíneos
  • Fortalece o sistema imunológico
  • Actua como anti-inflamatório e antigripal
  • Ajuda a dilatar os brônquios, facilitando a respiração dos asmáticos
  • Auxilia nos tratamentos de gripe, bronquite e pneumonia
  • Protege o sistema gastrointestinal de bactérias nocivas
  • Previne a formação de pedras na vesícula e nos rins
  • Ajuda a normalizar a função da tiróide
  • Previne cáries dentárias e gengivite

 

Aprenda também:

Chá verde com ananás para emagrecer

Perca peso e desintoxique o organismo com chá de dente de leão

Chá de folhas de oliveira para diminuir a pressão arterial

Escrito por A Senhora do Monte

Uma homenagem ao Portugal das tradições, dos saberes e dos sabores.