Blog

Aprende tudo sobre antúrios – uma planta de fácil manutenção!

em Jardim/Horta
Aprende tudo sobre antúrios - uma planta de fácil manutenção!

Esta é uma das plantas que nos fazem lembrar a nossa infância pois era uma das queridinhas de casa das nossas avós, e agora das nossas mães. Conseguem imaginar o quintal da avó sem esta planta? Nós não! E lembram-se de ver a avó a limpar as folhas desta planta com um paninho de flanela? Que saudades…

Mais uma vez fica comprovado que as avós sabem sempre o que é melhor para nós… sabiam que os antúrios purificam o ar de vossa casa? Leiam também:

Os antúrios são plantas tropicais com grandes flores e folhas que pertencem à família das Araceae. Sendo a espécie mais popular: Anthurium andreanum.

Também muitos conhecem os antúrios por serem bastante comercializados na altura do Natal.

Na verdade, o que nós chamamos de flor (formato de coração) é na realidade uma folha modificada (chamada de bráctea) com um tom diferente da restante folhagem e, no centro, uma formação parecida com uma espiga.

É exactamente na espiga onde se encontram as verdadeiras flores: muito pequeninas e em grande quantidade. A planta faz um pequeno passo de magia, muda a cor de uma folha para destacar as suas pequenas flores e chamar a atenção dos polinizadores. A Natureza não é maravilhosa?

A flor do antúrio significa imponência, confiança, hospitalidade e fortuna.

Esta planta também é considerada uma planta purificadora do ar pois combate o amoníaco muito usado na refrigeração. Recomenda-se o seu uso em cozinhas ou casas de banho. Leia também:

O antúrio faz parte da lista de plantas tóxicas. O oxalato de cálcio presente na sua composição pode provocar queimaduras, inchaço, náuseas e irritação das mucosas. Por isso, tenham cuidado e mantenham as crianças e os filhos de 4 patas longe dessa planta. Consultem também os nossos artigos sobre plantas tóxicas clicando nos seguintes links a verde:

Lista de plantas tóxicas

Plantas venenosas que poderá ter no seu jardim

Dica: Também querem ter um antúrio como as vossas avós e passar a tradição de geração em geração? Esta planta é geralmente vendida em viveiros, lojas agrícolas e centros de jardinagem!

Aprende tudo sobre antúrios - uma planta de fácil manutenção!

Antúrios

Cultivo

É possível cultivar antúrios através de sementes, mas trata-se de um processo bastante demorado, trabalhosos, acabando por não valer a pena. É muito mais fácil comprar mudas ou a planta já adulta!

A forma mais tradicional será manter a planta dentro de um vaso com terra. Mas sabiam que podem manter os antúrios só em água? Para aprenderem mais sobre esta técnica leiam o nosso artigo clicando no seguinte link:

Solo

Mantenham a terra rica em matéria orgânica. Misture fibras de coco ao solo.

Luz

Os antúrios gostam de receber luz directa mas não em demasia pois são sensíveis ao Sol. O ideal será um ambiente de meia sombra.

Regas

Para que os vossos antúrios se mantenham com cores bonitas, brilhantes e saudáveis devem regá-los com alguma frequência na altura do verão. Evitem molhar as folhas, especialmente se utilizarem água da torneira para as regas, pois esta contém cloro.

Fertilização

De 3 em 3 meses ou de 6 em 6 reforcem o adubo para que a planta aguente temperaturas entre os 13ºC e os 26ºC.

Manutenção

Misturem pedrinhas na terra para manter uma boa drenagem. Reguem diariamente a planta e se, mesmo assim não der flor coloquem-na num local mais iluminado. A planta deve receber, pelo menos, 12h de luz solar indirecta.

Aprende tudo sobre antúrios - uma planta de fácil manutenção!

Pragas e doenças

Folhas amareladas – É sinal de que a sua planta necessita de adubo. Caso a planta já esteja muito grande ou já tem vários anos também deve aproveitar para substituir a terra (substracto).

Flor com a cor desbotada – Se as brácteas estão a nascer com um tom mais deslavado é sinal de que a planta necessita apanhar mais luz do sol pela manhã.

Flor velha – Quando as brácteas e as espigas ficam com um formato estranho e as suas cores ficam desbotadas é sinal de que a planta está velha. Ou seja, não é um problema, é o processo natural de envelhecimento da planta. Afinal, não somos só nós que envelhecemos…

Partes moles – Se o caule ou as folhas ficarem moles e meio pegajosos é sinal de que o vosso antúrio está com uma doença bacteriana. Portanto devem remover as partes doentes da planta.

Pintinhas nas flores – Se a flores começarem a apresentar umas pintinhas é sinal de que o antúrio está com uma doença chamada botrytis (fungo que está na origem da chamada “podridão cinzenta” dos vegetais). Evitem molhar as folhas da planta. Reguem somente a terra e nunca em demasia. Os antúrios não gostam de terra encharcada. Espetem um dedo na terra e vejam se esta está seca e precisa ser regada. Este problema deve ser tratado com calda bordalesa.

Lesmas – Se estas abusadas começaram a rondar os vossos antúrios é sinal de excesso de humidade. Verifiquem se os furos de drenagem do vaso estão desobstruído e diminuam a frequência das regas. Se já existem lesmas polvilhem sal, bicarbonato de sódio ou canela à volta do vaso – isto vai criar uma barreira para lesmas, caracóis e formigas.

Onde comprar

Encontram facilmente estas plantas em hipermercados, centros de jardinagem e lojas agrícolas.

Aprende tudo sobre antúrios - uma planta de fácil manutenção!

Se gostaram deste artigo e querem saber quais são as plantas que os portugueses mais têm em casa, leiam também os nossos artigos, clicando nos seguintes links a verde:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *