Blog

Dicas naturais para o desequilíbrio das hormonas masculinas

em Medicina Natural
Dicas naturais para o desequilíbrio das hormonas masculinas

Conheça algumas dicas para ajudar a regular o desequilíbrio hormonal masculino

O equilíbrio hormonal é fundamental para manter o organismo saudável e evitar diversos problemas de saúde. Compreender as hormonas envolvidas no sistema reprodutor masculino ajudará a descobrir qual a sua deficiência hormonal, e proceder à correcção do desequilíbrio hormonal:

  • Testosterona: É a hormona sexual masculina primária, responsável pelo crescimento de massa muscular, maturação dos órgãos sexuais e de características sexuais masculinas secundárias, conclusão do crescimento, desenvolvimento do esperma e fortalecimento da líbido.
    • A deficiência em testosterona apresenta os seguintes sintomas: diminuição do desejo sexual, disfunção erétil e encolhimento testicular. Outros sinais podem incluir sensação de calor, diminuição de energia, depressão, falta de concentração, insônia e perda de forças.
  • DHT, ou Dihidrotestosterona: Este hormona é principalmente responsável pela formação e maturação da genitália masculina.
    • A deficiência de DHT é normalmente mais comum em adolescentes antes ou durante a puberdade. Homens que possuem genitais externos pouco desenvolvidos normalmente requerem DHT. Em  adultos a falta de DHT pode causar infertilidade.
  • Estrogénio e progesterona: Apesar de ambas serem consideradas hormonas femininas, elas também estão presentes nos organismos masculinos. O estrogénio ajuda a regular a maturação de espermas e a líbido. A progesterona equilibra os níveis de estrogénio nos homens, evitando que o sistema reprodutor masculino tenha excesso de estrogénio.
    • As deficiências em estrogénio ou progesterona podem ter sintomas semelhantes: depressão e perda de libido podem ocorrer com o desequilíbrio de qualquer um dos dois. A deficiência de estrogênio causa uma perda de densidade óssea, excesso de crescimento capilar ou mudanças na pigmentação da pele. A deficiência em progesterona pode causar perda de cabelo, ganho de peso e ginecomastia (aumento no peito masculino).
  • Prolactina: Outra hormona comumente atribuída a mulheres, mas também encontrada em homens. Nos homens, ele faz parte das respostas imunológicas do corpo. Não há indicações de que a prolactina seja vital para o corpo masculino.
    • O excesso de prolactina pode cortar a produção de testosterona. A deficiência de prolactina não parece ter efeitos adversos definitivos.

Dicas naturais para o desequilíbrio das hormonas masculinas

Causas para o desequilíbrio hormonal de testosterona

O estilo de vida actual não é propriamente propício para a produção saudável de testosterona. Existem vários factores que podem provocar um desequilíbrio hormonal, alguns deles são:

  • Má alimentação
  • Sedentarismo
  • Stress
  • Poucas horas de sono ou insónias

Tenha atenção à sua dieta e faça exercício físico!

Uma rotina regular de exercício físico, incluindo exercícios aeróbicos e de resistência, estimula a produção de testosterona. É preciso praticar atividades físicas com regularidade, três a quatro vezes por semana no mínimo, assim como dormir adequadamente e reduzir ao máximo o stress da sua rotina diária.

Uma dieta equilibrada é o melhor meio de regular as hormonas masculinas. A realização de uma simples e saudável dieta pode resolver a maioria dos problemas de desequilíbrio hormonal. Note que ela deve ser baseada na ingestão de zinco, magnésio, boro e aminoácidos, que são componentes essenciais para aumentar a testosterona no organismo.

  • Coma carne e carboidratos, pois fornecem energia e ajudam na produção hormonal. Frutos marinhos ricos em Ômega-3 e carnes pouco gordurosas são as melhores opções.
  • Prefira grãos ricos em fibras.
  • Evite açúcar, cafeína e laticínios, que podem causar fraqueza e diminuir a produção hormonal.

Leia também:

Alimentos para aumentar a produção de testosterona:

CARNES MAGRAS

Principais fontes de proteína, as carnes magras são essenciais na dieta de quem deseja produzir mais testosterona de forma natural. Recomenda-se carne com pouca gordura e, de preferência, grelhada. Peito de frango e peixes, que têm menos calorias que carnes bovinas, também são boas opções.

Dicas naturais para o desequilíbrio das hormonas masculinas

GORDURAS SAUDÁVEIS

Alimentos como nozes, castanhas, azeitonas, amêndoas, azeite extra-virgem, linhaça, abacate e óleos vegetais – coco, soja e girassol – são extremamente ricos neste ingrediente e devem ser consumidos em maior quantidade para aumentar a presença de hormonas masculinas no organismo.

FRUTA

Frutas são benéficas de diversas formas para nosso corpo. Maçã e banana, por exemplo, colaboram com a produção de zinco, elemento fundamental para síntese da testosterona. Já tomate, laranja, maracujá, limão e morango têm grandes quantidades de vitamina C – um importante aliado da produção hormonal.

Dicas naturais para o desequilíbrio das hormonas masculinas

VERDURAS E LEGUMES

Abóbora, pimento, brócolos, repolho e couve são os vegetais mais indicados para incluir em uma dieta que pretende elevar os níveis hormonais masculinos. Esses alimentos contribuem para que as taxas de estrogénio – hormona feminina – diminuam, evitando o acumular de gordura e impedindo que o crescimento muscular seja prejudicado.

OVOS

Assim como as carnes, os ovos são indispensáveis para quem deseja “crescer”. Ricos em proteínas e bom colesterol, são também fontes vitais para uma maior produção da testosterona.

Dicas naturais para o desequilíbrio das hormonas masculinas

FEIJÃO

Vegetal com grande quantidade de zinco em sua composição, o feijão tem pouca gordura, bastante proteínas e fibras. Esses grãos são excelente para o processo de aumento da produção de testosterona.

Dicas naturais para o desequilíbrio das hormonas masculinas

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *