Blog

Xarope de aloé vera – Uma antiga receita criada por Frades Franciscanos

em Medicina Natural 28 Novembro, 2019
Xarope de aloé vera - Uma antiga receita criada por Frades Franciscanos

Este xarope de aloé vera tem sido utilizado na medicina tradicional portuguesa já há vários anos!

Esta planta possui imensos benefícios para a nossa saúde sendo também utilizado na medicina tradicional chinesa e na medicina indiana.

A receita deste xarope foi trazida pelo Frei Romano Zago, nascido em Agosto de 1932, no Brasil. O Frei Romano espalhou a receita por vários países, incluindo Portugal. O xarope consiste em folhas de Aloé, mel e aguardente.

Os frades franciscanos acreditam que este xarope é rico em fibras vegetais e que se trata de um poderoso renovador celular com a capacidade de renovar energias e de eliminar células mortas do organismo.

A espécie utilizada para fazer este xarope é: Aloe barbadensis Miller.

Xarope de aloé vera - Uma antiga receita criada por Frades Franciscanos

Xarope de aloé vera

Ingredientes:

  • 3 folhas de aloé vera
  • 1/2kg de mel puro
  • 3 a 4 colheres de sopa de uma bebida branca (aguardente, vodka ou wisky)

Comece por lavar as folhas do aloé vera, retire os picos e corte-as aos pedaços.

Coloque 3 folhas numa picadora e triture-as até que se forme um papa.

Adicione à mistura 1/2Kg de mel e 3 a 4 colheres de sopa de aguardente, vodka ou wisky.

Guarde a mistura em garrafas de vidro escuras/opacas.

Os frades franciscanos aconselham a toma de 2 a 3 colheres de sopa antes das refeições principais.

No verão, este xarope deve ser guardado no frigorífico. No inverno basta guardar as garrafas numa zona escura e fresca.

Se gostou deste artigo e quer saber mais sobre esta planta, leia também:

Aprenda a fazer e a conservar gel de aloé vera

Aprenda a fazer pensos de aloé vera

Aprenda a fazer sabonete de aloé vera

Hidrate o seu cabelo com produtos feitos de aloé vera

Xarope de aloé vera - Uma antiga receita criada por Frades Franciscanos

Sobre A Senhora do Monte
Uma homenagem ao Portugal das tradições, dos saberes e dos sabores.
3 Comments
  1. Desculpe, as folhas? Ou o Gel, ou tudo, gel e casca da babosa.?

  2. muito interessante;

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *