Blog

Aprenda a fazer 17 fertilizantes naturais e ecológicos para o seu jardim

in Jardim/Horta
Aprenda a fazer 16 fertilizantes naturais e ecológicos para o seu jardim

Sabia que pode fazer fertilizantes naturais e ecológicos para as suas plantas com produtos que tem na sua despensa?

Os fertilizantes caseiros são uma óptima opção para evitar produtos químicos e também poupar dinheiro!

Se os utilizar de forma eficiente fará com que as suas plantas cresçam saudáveis e produzam mais flores ou frutos!

Aprenda a fazer 17 fertilizantes naturais e ecológicos para o seu jardim

Fertilizantes ecológicos

1. Sais Epsom

O sal de Epsom contém proteínas vegetais, como é o caso do magnésio e enxofre, que são bastante úteis para as plantas.

Ingredientes:

  • 1L de água
  • 1colher de sopa de sais Epsom

Misture bem os 2 ingredientes dentro de um frasco pulverizador. Pulverize directamente as folhas das plantas uma vez por mês.

2. Leite em pó

O leite em pó é uma fonte rica em cálcio.

Misture um pouco de leite em pó na terra dos seus vasos antes de plantar.

3. Cinza

A cinza da lareira (proveniente de madeira) contém potássio e carbonato de cálcio, o que ajuda a estimular o crescimento das plantas.

Basta espalhar cinzas à volta das plantas. Não coloque cinza em cima das folhas para não as queimar.

Tenha em atenção que a cinza não é uma boa opção para plantas que gostem de solos ácidos.

A cinza tem mais algumas utilidades surpreendentes no jardim / horta. Saiba quais lendo este nosso artigo:

4. Água de aquários

Se tiver um aquário, sempre que lhe fizer uma limpeza, aproveite a sua água para as suas plantas. Esta água é um fertilizante perfeito pois contém excrementos de peixes e incentiva o crescimento das plantas.

5. Cascas de ovos

As cascas de ovos contêm cálcio, nitrogénio, ácido fosfórico e muitos outros nutrientes benéficos que incentivam o crescimento saudável das plantas.

Se quiser saber mais sobre os benefícios das cascas de ovos, leia também:

Para aprender a fazer fertilizantes feitos à base de cascas de ovos, leia também este artigo:

6. Gelatina

A gelatina é uma excelente fonte de nitrogénio que é essencial para a realização da fotossíntese e para o crescimento das plantas.

Ingredientes:

  • 1 pacote de gelatina neura
  • 4 chávenas de água

Junte o pacote de gelatina a uma chávena de água quente e mexa bem. A seguir, junte 3 chávenas de água fria. Continue a mexer.

Este fertilizante pode ser usado uma vez por mês, aplicado no solo, à volta das plantas, assim que tiver arrefecido.

7. Borras de café

O pó de café é benéfico para as plantas pois contém nitrogénio, potássio e fósforo. Também tem a acção repelente pois afasta formigas, cochonilhas e pulgões.

O café é um excelentes fertilizantes para tomateiros, mirtilos, abacateiros, rosas, hortênsias, camélias, azáleas, etc.

Pode espalhar as borras de café no solo, à volta das plantas, ou então fazer um adubo líquido. Leia este nosso artigo para saber como se faz:

As borras de café têm diversas utilidades, saiba quais:

8. Melaço de cana

O melaço contém muitos nutrientes benéficos para as plantas, como é o caso do carbono, cobre, magnésio, potássio, cálcio, ferro, potássio, enxofre e manganês. O melaço nutre as bactérias benéficas do solo mantendo-o saudável e também tudo o que for plantado nele.

Ingredientes:

  • 7L de água
  • 1/2 copo de farinha de alfafa
  • 1/2 copo de sais Epsom
  • 1 colher de chá de melaço

Misture a farinha de alfafa e os sais na água. Mexa bem. A seguir, acrescente o melaço. Volte a mexer bem e está pronto a usar.

Em alternativa também pode juntar o melaço ao excesso de água do seu compostor.

9. Cascas de banana

Devido ao seu alto teor em potássio, as cascas de bananas estimulam o crescimento das plantas, especialmente as rosas.

Pode triturar as cascas de banana e misturá-las no solo ou então fazer um fertilizante líquido com elas. Leia este artigo para saber como se faz:

10. Paus de fósforo

Os paus de fósforo contê clorato de potássio, fósforo, enxofre, magnésio e óxido de ferro.

Para saber como pode utilizar os paus de fósforo para fertilizar as suas plantas, leia também:

11. Água do cozimento de alimentos

A água do cozimento de alimentos contém bastantes nutrientes para as plantas, por exemplo: ovos, massa, vegetais. Tenha em atenção para não salgar a água.

Após a água do cozimento arrefecer utilize-a para regar as suas plantas. Leia também:

12. Cabelo e pêlos de animais

Tanto o cabelo humano como o pêlo de cães, gatos, cavalos, etc, são ricos em nitrogénio e funcionam como fertilizante natural para as plantas.

Basta enterrá-los debaixo do solo.

13. Carvão

O carvão vegetal ajuda a fixar os nutrientes no solo. Possui magnésio, cobre e potássio, entre outros minerais.

Atenção que o carvão usado após os churrascos não pode ser utilizado pois contém sal e gordura.

Para aprender a fazer um fertilizante com carvão, leia também:

14. Chorume de urtigas

O chorume de urtigas há muito que é utilizado e é muito eficaz como adubo (devido aos elevados níveis de enxofre, magnésio e ferro) e também como controlador de pragas e doenças.

Para aprender a fazer, leia este nosso artigo:

15. Algas

As algas contêm 10 vezes mais minerais que as plantas terrestres sendo particularmente ricas em minerais (nomeadamente iodo, ferro, cálcio, magnésio, fósforo, potássio, zinco, selénio e manganês).

O fertilizante de algas é rico em citocininas e contém imensos micronutrientes importantes para o solo e para a saúde das plantas. Também aumenta a produção de clorofila e actua como estimulante de crescimento das plantas bem como das suas raízes.

Por isso, quando vir algas na praia, toca a apanhar algumas para trazer para casa e fazer um belo fertilizante para as suas plantas. Leia o nosso artigo para saber como se faz:

16. Restos de cozinha

Esta é uma forma de reutilizar aquilo que normalmente vai para o lixo, mas que pode ser reaproveitado e ainda melhorar o aspecto das nossas plantas e a qualidade dos nossos vegetais!

Os microorganismos do solo precisam alimentar-se, tal como nós. Ou seja, este preparado de restos de cozinha vai ser o “banquete” que vamos preparar para eles. Desta forma, estes microorganismos vão-se desenvolver, multiplicar e libertar os nutrientes para o solo para finalmente fertilizar as nossas plantas e vegetais. Quer saber como se faz? Leia também:

17. Aloé vera

O aloé vera (A. barbadensis) é rico em nutrientes como aminoácidos, antioxidantes, carboidratos complexos, vitaminas A, B, C, E, cálcio, magnésio, zinco e muito mais. Ou seja, utilizado como fertilizante irá nutrir e impulsionar o crescimento das plantas.

Este fertilizante também pode estimular a germinação das sementes e o rápido desenvolvimento das raízes, reforçar as paredes e contribuir para a saúde, crescimento e vigor geral das plantas! Leia o nosso artigo para aprender como se faz:

Aprenda a fazer 17 fertilizantes naturais e ecológicos para o seu jardim

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.