Blog

Como criar um jardim medicinal na varanda ou no quintal

em Jardim/Horta, Medicina Natural
Como criar um jardim medicinal na varanda ou no quintal

Cultivar as suas próprias ervas medicinais é uma forma de ter sempre remédios caseiros e naturais sempre à mão!

Um jardim medicinal é composto por plantas consideradas medicinais que podem ser utilizadas em tratamentos caseiros. Portanto, e dados os benefícios, esta é uma forma de começar a aderir à medicina natural!

Existem centenas de pequenos problemas de saúde que podem ser tratados com remédios caseiros e naturais. Portanto, sempre que tiver por exemplo congestão nasal ou um arranhão – basta ir ao seu jardim medicinal e colher as plantas indicadas.

Jardim medicinal

Estas são algumas das melhores plantas medicinais que deve plantar:

Equinácea

Esta planta pode ser utilizada para aumentar a imunidade e na prevenção e tratamento de febres, constipações e gripes.

Alfazema

A alfazema é muito conhecida pelas suas propriedades calmantes pois induz o relaxamento e o sono.

Para além disso também possui propriedades anti-sépticas e anti-inflamatórias.

Leia também: Propriedades e indicações terapêuticas da alfazema

Aqui estão alguns tratamentos que poderá fazer com a alfazema:

Camomila

A camomila é outra planta que também ajuda a aliviar a ansiedade. Trata inflamações na garganta, rinites e sinusites. Também pode ser utilizada no tratamento de inflamações, inchaços (edemas) ou feridas.

Leia também:

Alecrim

Para além de ser vulgarmente utilizado em termos culinários, também contém substâncias que são úteis para melhorar a digestão e aumentar a circulação.

O alecrim também possui propriedades antibacterianas e cicatrizantes, entre outras. Fortalece os cabelos e o couro cabeludo e funciona como um agente anti-caspa e combate também a queda de cabelo.

Leia também:

Erva-cidreira

Esta erva possui fortes propriedades antivirais podendo ser utilizada para aliviar o herpes labial e também propriedades insecticidas. Também tem um efeito calmante sob o sistema digestivo e nervoso sendo totalmente indicada e eficaz em casos de insónias, ansiedade, depressão, stress, dores de cabeça, indigestão, etc.

Leia também:

Tomilho

O tomilho possui propriedades expectorantes. As suas folhas contêm flavonóides que relaxam os músculos da garganta envolvidos na tosse e reduzem a inflamação.

Os tratamentos com tomilho são indicados em casos de tosse, tosse persistente, bronquites e infecções respiratórias superiores.

Leia também:

Coentros

O coentro é geralmente considerado uma erva culinária, no entanto este também ajuda a melhorar a digestão e a regular os ciclos menstruais.

É uma excelente fonte de vitamina C e de outras vitaminas essenciais, como o ácido fólico, a vitamina A e o betacaroteno. Além de fortalecer o sistema imunitário, a vitamina C também atua na formação de colagénio, nutriente essencial para evitar a flacidez e manter a saúde da pele.

Possui propriedades anti-inflamatórias que ajudam a reduzir inchaços e a aliviar dores causadas por condições inflamatórias como o caso da artrite.

Leia também:

Chá de coentros

Ingredientes:

  • 1 punhado de coentros frescos
  • 1 L de água

Coloque os coentros na água a ferver. Deixe em repouso durante 10 minutos. Coe e beba 2 a 3 chávenas por dia, depois de cada refeição.

Leia também:

Hortelã

Esta erva medicinal é incrivelmente benéfica! Dores de cabeça, dores musculares, dores de estômago, irritações na pele, náuseas, melhora a digestão, combate a diarreia e a distensão abdominal – são alguns dos muitos sintomas que ajuda a aliviar.

Para usufruir dos benefícios do chá de hortelã faça um chá:

Chá de hortelã

Ingredientes:

  • 10 folhas de folhas frescas de hortelã
  • 1 L de água

Coloque as folhas de hortelã na água a ferver. Deixe em repouso durante 10 minutos. Coe e beba 2 a 3 chávenas por dia, depois de cada refeição.

Como criar um jardim medicinal na varanda ou no quintal

Funcho

Esta é uma das melhores ervas medicinais de sempre! Ajuda a aliviar a tosse e também é usado para aumentar a produção de leite materno em mulheres lactantes.

Chá de funcho

Ingredientes:

  • 5g de folhas frescas de funcho
  • 1 chávena de água

Coloque o funcho na água a ferver, tape e deixe amornar. Coe e beba 2 a 3 chávenas por dia, depois de cada refeição.

Como criar um jardim medicinal na varanda ou no quintal

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *